Meu Perfil
BRASIL, Sudeste, JACAREI, Mulher, de 26 a 35 anos, Portuguese, English, Música, Arte e cultura, Viagens
MSN - manga_roosa@hotmail.com



Histórico
 15/10/2006 a 21/10/2006
 17/09/2006 a 23/09/2006
 30/07/2006 a 05/08/2006
 02/07/2006 a 08/07/2006
 25/06/2006 a 01/07/2006
 07/05/2006 a 13/05/2006
 26/02/2006 a 04/03/2006
 12/02/2006 a 18/02/2006
 05/02/2006 a 11/02/2006
 29/01/2006 a 04/02/2006
 01/01/2006 a 07/01/2006
 25/12/2005 a 31/12/2005
 18/12/2005 a 24/12/2005
 11/12/2005 a 17/12/2005
 27/11/2005 a 03/12/2005
 20/11/2005 a 26/11/2005
 30/10/2005 a 05/11/2005
 09/10/2005 a 15/10/2005
 02/10/2005 a 08/10/2005
 25/09/2005 a 01/10/2005
 18/09/2005 a 24/09/2005
 28/08/2005 a 03/09/2005
 21/08/2005 a 27/08/2005


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 Jujubinha Cover
 O Menino Azul
 HEPA_C
 ~Sra. Tempo~
 ...algumas pegadas.
 Corrente Ascendente
 Contraindicados para diabéticos
 Mundo de Cetim
 A mosca
 *Fake Plastic Tree*
 Jornalista Incidental
 Cinderela - amiga linda
 Para_Raros
 Helio Hintze
 Ñ consigo ir embora de mim a pé...
 Plenos Pecados
 Folha Caída
 Recando de Ventos e Alma
 Carnavalha - Artur Gomes
 Thiago Ponce
 Luzes da Cidade
 Cartas Íntimas
 O Carcere das Asas
 Nadiejo


Single Thought
 

Eu te chamo e tu me atendes.
Gentil e sonora voz!
Como enganas polidamente,
Afora todos os nós, resumindo-nos
Em migalhas que inevitavelmente, aceito...

Em meio ao telefonema:
Anseios soletram o enigma.
Ancestrais dilemas,
Parcelas desditas
Acenam a nós!
Os nós não refeitos
Rarefeitos
Efetivamente ausentes
Nós antigos,
Obsoletos
Inexistentes
Reprimidos
E
Deixados pra lá...

Como as demais frases
Que poderíamos prosear
Neste telefonema desconexo,
Sem coesão
Sem alicerce
Sem mastro
E a flâmula a oscilar
De encontro ao vento...

- Entre um aparelho e outro:
A linha a sinalizar interrupção da chamada
Tan-tan-tan-tan-tan-tan-tan-tan-tan
Como que tamborilando,
Ampliando e ecoando o imenso vazio do 'nada'
Chamando a fogueira antiga
A chama acesa
A Brasa incontida
'Re-acesa ou não' -
- só pra constar-lhe à memória,
De maneira interrompida,
Lembranças do que já vivera...

"Telefônica informa: este número de telefone não mais existe!!!"
(Nana - 12/02/2006)



Escrito por Nana às 21h54
[] [envie esta mensagem]




[ ver mensagens anteriores ]